Track Day - Dicas

Página 1 de 7 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Ir em baixo

Mensagem Track Day - Dicas

Mensagem por E.lias em Sab 20 Abr 2013, 01:54

Olá Galera,

Depois de algum tempo economizando e tomando coragem comprei meu macacão e finalmente estou pronto pra colocar a motoca na pista! porém, não posso dizer que sou muito corajoso e agora estou com um pouco de, digamos assim, receio de partir pra pista.

já ando a algum tempo e creio que sei meus limites, apesar de nunca ter andado em pista. minha preocupação é com os outros, então partindo pra objetividade: em um track day é muito perigoso outros caras te atropelarem, ou muito difícil de desviar caso o da frente caia? existe orientação para os novatos não andarem colados?? quais as dicas para um track day seguro?

Pra tentar me explicar um pouco, "livrar minha barra" Smile semana passada fui testar o gorila na estrada e aproveitei pra conhecer o autódromo mais perto aqui de casa. No caminho topei com um acidente: um tiozão de harley passou reto na curva, sem capacete (aqui não é obrigatório)... só vi um galo gigante na testa dele, espero que esteja bem e passe a se proteger melhor... quando cheguei no autódromo, estava tendo uma bateria de 250 cc... peguei as infos que queria com o pessoal do curso e fui na beira da pista (atras da mureta) dar uma olhada... eis que 1 min depois de eu chegar ali, um cara terminou a curva e olhou pra baixo, como que procurando alguma coisa errada na moto e quando olhou pra frente já tava fora da pista, vindo exatamente na minha direção... affraid
no reflexo me abaixei... já estava atras da mureta de proteção, mas vai que a moto ultrapassa, sei lá... e pude ver ele passando ralando no muro!! dois sinais negativos, e eu sou um pouco ligado nessas coisas sensoriais... Smile

Enfim, dicas são bem-vindas! sou apaixonado por motos e sempre quis fazer isso minha vida toda, por isso peço a ajuda de vcs!! Smile abs.
avatar
E.lias
Participante
Participante

Masculino
Idade : 36
Data de inscrição : 27/12/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem Re: Track Day - Dicas

Mensagem por budha74 em Sab 20 Abr 2013, 09:51

Acho que o mais importante é você colher informações com os organizadores da prova, verificar quais são as instruções e se realmente aplicam punições a quem as descumpre. Infelizmente é comum organizadores passarem instruções para não se dividir curvas, mas na prática não punirem ninguém que pilota de forma irresponsável, aí já viu o risco que corremos Mad
avatar
budha74
Participante
Participante

Data de inscrição : 11/05/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem Re: Track Day - Dicas

Mensagem por ThePhantas em Sab 20 Abr 2013, 10:06

E.lias? Da GS-500? Quanto tempo em meu brother !!!
Abraços man !
avatar
ThePhantas
Participante
Participante

Masculino
Idade : 41
Data de inscrição : 31/01/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem Re: Track Day - Dicas

Mensagem por E.lias em Sab 20 Abr 2013, 14:38

valeu budha!

Fala aee Phantas, td bem meu caro? faz tempo mesmo!! hahahahah cara, uns meses atras passei no serra azul de carro e acho que vc estava lá, mas eu ja estava indo embora... abração!
avatar
E.lias
Participante
Participante

Masculino
Idade : 36
Data de inscrição : 27/12/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem Re: Track Day - Dicas

Mensagem por Neto TeamCamel em Sab 20 Abr 2013, 18:06

Elias,
Você esta morando onde????(pelo fato do capacoco não ser obrigatório)

Eu sempre indico pra quem nunca rodou em pista, andar na bateria d iniciantes, de preferencia com gente da msm experiência....
O mais indicado é sempre começar com um curso, se ñ da no momento, lembre-se:
Não se preocupe com quem vem atras, a responsa é sempre do de trás.
Aproveite os trechos de reta pra dar uma olhadinha pra trás, assim vc saberá se tem alguém próximo ou chegando pá eventualmente dividir uma curva.
Se um piloto esta colado em vc, deixe passar ou acelere, iniciantes muito próximos não dá muito certo.
Procure organizadores com experiência e seriedade nos serviços prestados, infra, segurança e socorro são essenciais.

Do mais é relaxar e curtir.....
avatar
Neto TeamCamel
Participante
Participante

Masculino
Idade : 32
Data de inscrição : 27/05/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem Re: Track Day - Dicas

Mensagem por SergioRJ em Sab 20 Abr 2013, 19:44

Cara, se você nunca andou em pista a melhor dica que eu poderia te dar é: faça um curso.

Você acha que já sabe bastante ou o suficiente, mas quando você faz um curso com quem realmente entende aí é que você vê o quanto você não sabia. É caro, mas é um dinheiro bem gasto.

SergioRJ
Participante
Participante

Masculino
Idade : 44
Data de inscrição : 09/02/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem Re: Track Day - Dicas

Mensagem por marconi em Sab 20 Abr 2013, 21:03

Primeiramente parabéns pela iniciativa de partir para a pista.
O Neto disse tudo.
Na primeira vez tbm fiquei muito nervoso, mas depois que você começa a relaxar.
O grande segredo é procurar fazer o traçado da pista e deixa quem vir de trás procurar onde vai passar.
Fazer um curso de pilotagem eu acho essencial, mesmo que se tenha experiência de rua, pois lá dentro é totalmente diferente.
avatar
marconi
Participante
Participante

Masculino
Idade : 36
Data de inscrição : 07/06/2011

http://www.localvazamento.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem Re: Track Day - Dicas

Mensagem por E.lias em Dom 21 Abr 2013, 14:18

Neto TeamCamel escreveu:Elias,
Você esta morando onde????(pelo fato do capacoco não ser obrigatório)

Opa, muito obrigado pelas dicas Neto, to morando no Texas, perto de dallas. esqueci de mencionar, mas sim, a idéia é fazer o curso primeiro. aqui é bem mais barato, 140 dolares o curso e 100 da pista se nao me engano.

creio que vou fazer com esses caras aqui: http://www.ridesmart.info/

SergioRJ escreveu:...
Valeu Sergio, esqueci de mencionar o curso.

marconi escreveu:...
Valeu Marconi!!
Valeu pelas dicas pessoal, já me animei bastante! Smile abs...
avatar
E.lias
Participante
Participante

Masculino
Idade : 36
Data de inscrição : 27/12/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem Re: Track Day - Dicas

Mensagem por Parada em Seg 22 Abr 2013, 09:28

Eu assisti muitos vídeos na net de interlagos e quando fui a primeira vez, também tinha o mesmo medo que vc.....mas, o que usei e uso até hoje: me mantenho sempre perto das zebras.....quem quiser me passar, passa por fora e ponto!!! Até hoje tem funcionado......
Nunca mude seu traçado de forma abrupta.....desenhe o seu traçado e o faça do começo ao fim, justamente para não causar algum risco ao piloto que pretendo de passar.....

No mais, é manter a calma, vai na sua tocada, não precisa provar nada pra ninguém.....e aos poucos vc vai aumentando seus limites!!!!

Procure no youtube vídeos de motos da sua categoria....ajuda muito pra vc ter uma idéia de relação de marcha e po aí vai.......

Portanto, tire a faca dos dentes, vai na sua tocada que vc não terá problemas!!!!!

Abs
avatar
Parada
Participante
Participante

Masculino
Idade : 39
Data de inscrição : 04/07/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem Re: Track Day - Dicas

Mensagem por marconi em Seg 22 Abr 2013, 09:50

Um vídeo show de bola que assisto sempre é do Leandro Melo dando dicas do traçado. Da uma olhada.
avatar
marconi
Participante
Participante

Masculino
Idade : 36
Data de inscrição : 07/06/2011

http://www.localvazamento.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem Re: Track Day - Dicas

Mensagem por Parada em Seg 22 Abr 2013, 11:01

assisti muito esse vídeo antes de fazer o meu primeiro TD...com certeza é de grande valia mesmo!!!!
avatar
Parada
Participante
Participante

Masculino
Idade : 39
Data de inscrição : 04/07/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem Re: Track Day - Dicas

Mensagem por Henricao em Seg 22 Abr 2013, 12:42

Esse vídeo é muito bom mesmo!!!

Tô louco para fazer o curso avançado com o Leandro Mello. Deixa chegar mais pro inverno, aí não chove nem fodendo...
avatar
Henricao
Participante
Participante

Masculino
Idade : 40
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem Re: Track Day - Dicas

Mensagem por E.lias em Seg 22 Abr 2013, 14:02

Massa... Smile
avatar
E.lias
Participante
Participante

Masculino
Idade : 36
Data de inscrição : 27/12/2007

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem Re: Track Day - Dicas

Mensagem por Berlindo em Seg 22 Abr 2013, 15:48

Eis minhas dicas, que postei no fórum Triumph Online. Ficou extenso, mas vai lá:

Berlindo escreveu:Pessoal,

Dada a minha saudade das pistas e vendo as notícias da galera se divertindo em Interlagos, me veio em mente esse tópico para reunir dicas essenciais para se ir ao track-day, seja primeira ou a vigésima vez. A intenção é sintetizar tudo que o pessoal rato de pista tem como ritual, algumas dicas que funcionam, o que se deve evitar, etc.

Vou deixar aqui minhas dicas, complementem e discordem se for necessário, a discussão é bem vinda.


1º de tudo: a preparação psicológica:

Assim com uma prova de Vestibular, uma entrevista de emprego, alguma outra grande oportunidade, ir á um TD pela primeira vez é algo que causa ansiedade. Para alguns mais, outros menos, cada um tem sua maneira de lidar com isso, mas no que se diz respeito a pista, vale algumas precauções básicas quanto a alimentação, descanço e preparação para a rotina. É essencial que se durma bem, relaxe da forma que for possível e baixe a ansiedade. Você precisa estar inteiro e concentrado na pista, então se não descançar e estar de cabeça fria até lá, pode aumentar o risco de algum impresvisto. Os dois tópico seguintes também influem na sua preparação e se bem feitos, trazem a tranquilidade necessária para a atividade.

2º A alimentação. Tratei num item a parte pois é muito importante você considerar que está indo se exercitar intensamente. Principalmente nos primeiros TDs, você vai se sentir esgotado ao final das baterias. Cansa mesmo! Com o tempo e seu domínio da moto, isso vai melhorando, o ideal é que não precise ficar brigando tanto com a moto, mas não tem jeito, a cada frenagem intensa, pendulo pra cá, contraesterço pra lá, você está gastando muito sua fibra muscular e seu corpo vai exigir energia. Em Interlagos, por ex., raramente tem alguma coisa realmente boa para comer, o ideal é que você leve algo leve para poder ir comendo ao longo do dia, muita água para se hidratar e tenha como se manter lá, pois geralmente o tempo entre as baterias é pequeno e você não vai querer perder nenhuma.

3º Tralhas. Cada hobby tem suas tralhas, é como pescar. Se você esquecer alguma coisa essencial, vai ficar puto depois e pode se desconcentrar no que realmente importa. Por isso, separe tudo antes, para os mais esquecidos como eu, faça uma lista, já deixe seus EPIs todos limpos e reunidos para que possa sair rapidamente de casa, especialmente se você for rodando para o autódromo. Também não queria levar coisa demais, leve o essencial, lá quase não dá tempo de nada e sempre, sempre: o foco é a pista.

4º A máquina. Nem precisa de muita explicação né? Pneus novos (não economize, não acredite que vai dar pra aguentar), freios em dia, fluídos e óleo do motor novos, parafusos e travas todas verificadas, corrente na tensão correta, tudo isso dá uma garantia da segurança necessária para se andar no limite. As vezes você gasta mais antecipando algo como por exemplo a troca dos pneus, mas chegando lá com tudo em ordem, roda muito melhor, com mais segurança, melhora seu desempenho e volta pra casa com tudo inteiro. Andar na pista é um hobby caro e economia não faz parte do processo. Lembre-se que sua moto estará no limite, muito mais do que em várias outras situações de uso comum em estradas. Também é importante ir de tanque cheio ou levar sua gasolina. Sair pra buscar é possível, mas se tiver tudo reunido alí (principalmente para aqueles que levam carretinhas ou tem algum apoio) facilita muito. Calibre os pneus com a moto fria, pesquise com os amigos que já tem experiência em pista, pois muda bastante do que se usa na rua. Por exemplo, na rua eu usava 32 D e 34 T na 675. Na pista era 30 D e 29 T. Assim tinha mais agarre. É bem comum se usar pressão mais baixa na pista.

5º Na pista. Se está chegando lá pela primeira vez, tendo afinidade com pista ou não, seja um novato. Não queira apressar-se no reconhecimento e familiarização do traçado, das curvas e das tomadas. Minha recomendação pessoal é que gaste a primeira bateria andando como uma moça, sem preocupação alguma com o tempo, fazendo 2 a 3 voltas de leve até aquecer os pneus, depois testando alguns traçados, sem abusos, muito aquém do seu limite convencional. Eu faço isso sempre que volto a Interlagos (minha única experiência em TDs), toda vez me sinto novato, abordo a pista com cautela, seguro a tensão da primeira bateria e faço meu reconhecimento. Serve não só para seu primeiro contato com a pista (mesmo que já tenha andando lá), mas também para baixar a ansiedade e te colocar no controle, te concentrar no ritmo de TD. Quem já esteve lá sabe, é na primeira bateria que mais acontecem acidentes nas categorias de iniciantes.

6º Evoluindo e contendo a empolgação. Primeira bateria feita, aquele cheiro de pneu queimado parece que atinge o cérebro, você já dopado de adrenalina, por vezes eufórico com aquela experiência magnífica que é andar num ambiente controlado e dedicado a se superar os limites. É aí que o perigo começa a se elevar, pois você vai sentindo segurança e começa a andar mais forte, testar técnicas e claro, vai acabar querendo baixar seu tempo. A cada nova bateria, segure a mão nas duas primeiras voltas, evite andar na parte suja e identifique os locais mais intensos a sua pilotagem, locais que te desafiam mais, onde percebe que ainda não tem total domínio. Não que nos outros locais você deva se despreocupar, mas tem curvas e frenagens que nos desafiam mais e nelas é que algo errado pode acontecer com mais facilidade, pela nossa briga com a moto naquele local. Deixe a coisa fluir, você tem a vida inteira para fazer vários outros TDs e se aperfeiçoar, ataque as curvas não como se fosse a última, mas ciente de que existe uma próxima em que você precisa chegar inteiro. Tempo é uma medida da SUA evolução, não serve de comparação, não é critério de nada. Se alguém faz tempo menor que o seu, ótimo! Sua meta é melhorar o seu tempo e não chegar no tempo de ninguém. Sua meta principal é voltar pra casa inteiro. Não deixe a andrenalina te cegar, ao menor descontrole ou alguma situação externa, em milisegundos, você pode ir ao chão e por mais controlado e seguro que seja o local, isso acaba com a brincadeira e estraga toda sua experimentação. Vá com calma, quando se entra na pista, acaba-se esquecendo de tudo isso, mas respire fundo dentro do capacete (respire mesmo, lembra desse tópico no meio da curva e pense: preciso respirar, preciso respirar). Ajuda muito a abaixar a ansiedade e te voltar no controle. Se errou, tomou um susto, desacelere. Se preciso, pare no box, dê uma relaxada e depois volte. Não é pq pagou caro que precisa estar na pista 100% do tempo...vá devagar, a evolução é um processo gradativo e em que você precisa estar inteiro para aproveitar.

7º Lidando com tráfego. Não adianta, sempre terá alguém mais rápido que você, bem como alguém em um ritmo bem mais lento. Você precisa aprender a lidar com isso, seja para ultrapassar, como ser ultrapassado. Em determinados trechos a diferença de uma moto pra outra é enorme e não é raro tomar um susto com uma 1000zona de pista entrando de lado contigo numa curva. Existem os cabaços, mas você tem como minimizar isso. Retrovisores?! Esquece. Não adianta dizer que eles te dão segurança, lá dentro isso não existe. Você está vindo na reta a 240~260 (600cc) e precisa freiar em 150 metros até 110 km/h, baixando 3 marchas e já se preparando para pendular. Isso é muito intenso! Se você se descuidar 1 segundo para olhar no retrovisor, pode perder a concentração no que precisa fazer pra abordar bem a curva. Feche, tire, tape...vá por mim, você não precisa disso lá dentro. Quem vai te ultrapassar é que precisa escolher o melhor momento, por onde e como vai fazer isso. E claro, ele olhando pra frente, terá mais condições do que você, olhando pra trás, tentando prever algo que ele vai fazer. Se possível, faça um traçado consistente, evite ficar mudando de direção todo tempo, especialmente nas retas. Se for o caso, faça sua tomada de curva normal e na hora de retomar, tire um pouco a mão, abra lentamente, assim o piloto que vem atrás pode escolher como te ultrapassar e não terá dificuldade. Igualmente se encontrar alguém mais lento. Espere, não pressione, não fique encostado. Se ele é mais lento, tem outra percepção de traçado e abordagens que a sua, então não espere que ele fará o certo. Perca uma volta se preciso, mas não se coloque e nem coloque os outros em risco. Não é uma corrida e perdendo 1 segundo agora, não vai estragar sua bateria. Se disputar curva e cair ou derrubar alguém, vai ser muito pior.

8º Imprevistos. Certamente eles acontecerão! Todo TD tem ao menos um acidente e isso não é de todo ruim, o local é para isso mesmo, antes sejam alí dentro do que na rua, onde as consequências são bem piores. Se não acontecer com você, tente se livrar disso o mais rapidamente e saia da pista. Diminuia a mão, abra o traçado e, se percebeu que foi grave, tem moto ou detritos na pista, SAIA DA PISTA, vá para os boxes ao finalizar a volta. Não insista. Provalmente os fiscais de pista sinalizarão bandeira vermelha, mas independente disso, pare nos boxes e confirme com alguém da organização se a pista foi fechada. JAMAIS, JAMAIS em nenhuma hipótese pare para ajudar, ainda que seja algum amigo seu. Tem gente mais capacitada e pronta para isso, porém a ambulância só vai entrar no momento em que todas as motos estiverem recolhidas, por isso a necessidade de se recolher aos boxes e esperar os atendimentos emergenciais.
Se a infelicidade tiver te acontecido, tente se acalmar, sair do asfalto se tiver condições, esqueça sua moto, preserve-se! O atendimento chegará e te dará apoio, o que você precisa fazer é se manter consciente e calmo, abaixar a adrenalina para certificar-se que está bem e que logo a situação melhorará.

9º Sinalizações. Sinalize sempre que for fazer algo incomum ou diferente da toada normal de pista, como por exemplo sair para os boxes (mão esquerda levantada), sair do traçado por algum motivo (pane na moto, p. ex.) ou se notar algum problema a frente. Respeite os fiscais de prova e suas bandeiras. Eles estão lá para que você se divirta.

10º Prepare-se! Você vai viciar... Twisted Evil


É isso, ficou extenso, mas o assunto requer isso. Espero agora as dicas de vocês, pois certamente tem gente muito mais experiente do que eu e por mais que os assuntos se repitam, ler várias vezes uma coisa pode ajudar a fixar.

Se você está partindo pra um TD, boa pista e bom retorno!
avatar
Berlindo
Participante
Participante

Masculino
Idade : 35
Data de inscrição : 07/07/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem Re: Track Day - Dicas

Mensagem por Roger Souza em Seg 22 Abr 2013, 21:28

Berlindo escreveu:Eis minhas dicas, que postei no fórum Triumph Online. Ficou extenso, mas vai lá:

Berlindo escreveu:Pessoal,

Dada a minha saudade das pistas e vendo as notícias da galera se divertindo em Interlagos, me veio em mente esse tópico para reunir dicas essenciais para se ir ao track-day, seja primeira ou a vigésima vez. A intenção é sintetizar tudo que o pessoal rato de pista tem como ritual, algumas dicas que funcionam, o que se deve evitar, etc.

Vou deixar aqui minhas dicas, complementem e discordem se for necessário, a discussão é bem vinda.


1º de tudo: a preparação psicológica:

Assim com uma prova de Vestibular, uma entrevista de emprego, alguma outra grande oportunidade, ir á um TD pela primeira vez é algo que causa ansiedade. Para alguns mais, outros menos, cada um tem sua maneira de lidar com isso, mas no que se diz respeito a pista, vale algumas precauções básicas quanto a alimentação, descanço e preparação para a rotina. É essencial que se durma bem, relaxe da forma que for possível e baixe a ansiedade. Você precisa estar inteiro e concentrado na pista, então se não descançar e estar de cabeça fria até lá, pode aumentar o risco de algum impresvisto. Os dois tópico seguintes também influem na sua preparação e se bem feitos, trazem a tranquilidade necessária para a atividade.

2º A alimentação. Tratei num item a parte pois é muito importante você considerar que está indo se exercitar intensamente. Principalmente nos primeiros TDs, você vai se sentir esgotado ao final das baterias. Cansa mesmo! Com o tempo e seu domínio da moto, isso vai melhorando, o ideal é que não precise ficar brigando tanto com a moto, mas não tem jeito, a cada frenagem intensa, pendulo pra cá, contraesterço pra lá, você está gastando muito sua fibra muscular e seu corpo vai exigir energia. Em Interlagos, por ex., raramente tem alguma coisa realmente boa para comer, o ideal é que você leve algo leve para poder ir comendo ao longo do dia, muita água para se hidratar e tenha como se manter lá, pois geralmente o tempo entre as baterias é pequeno e você não vai querer perder nenhuma.

3º Tralhas. Cada hobby tem suas tralhas, é como pescar. Se você esquecer alguma coisa essencial, vai ficar puto depois e pode se desconcentrar no que realmente importa. Por isso, separe tudo antes, para os mais esquecidos como eu, faça uma lista, já deixe seus EPIs todos limpos e reunidos para que possa sair rapidamente de casa, especialmente se você for rodando para o autódromo. Também não queria levar coisa demais, leve o essencial, lá quase não dá tempo de nada e sempre, sempre: o foco é a pista.

4º A máquina. Nem precisa de muita explicação né? Pneus novos (não economize, não acredite que vai dar pra aguentar), freios em dia, fluídos e óleo do motor novos, parafusos e travas todas verificadas, corrente na tensão correta, tudo isso dá uma garantia da segurança necessária para se andar no limite. As vezes você gasta mais antecipando algo como por exemplo a troca dos pneus, mas chegando lá com tudo em ordem, roda muito melhor, com mais segurança, melhora seu desempenho e volta pra casa com tudo inteiro. Andar na pista é um hobby caro e economia não faz parte do processo. Lembre-se que sua moto estará no limite, muito mais do que em várias outras situações de uso comum em estradas. Também é importante ir de tanque cheio ou levar sua gasolina. Sair pra buscar é possível, mas se tiver tudo reunido alí (principalmente para aqueles que levam carretinhas ou tem algum apoio) facilita muito. Calibre os pneus com a moto fria, pesquise com os amigos que já tem experiência em pista, pois muda bastante do que se usa na rua. Por exemplo, na rua eu usava 32 D e 34 T na 675. Na pista era 30 D e 29 T. Assim tinha mais agarre. É bem comum se usar pressão mais baixa na pista.

5º Na pista. Se está chegando lá pela primeira vez, tendo afinidade com pista ou não, seja um novato. Não queira apressar-se no reconhecimento e familiarização do traçado, das curvas e das tomadas. Minha recomendação pessoal é que gaste a primeira bateria andando como uma moça, sem preocupação alguma com o tempo, fazendo 2 a 3 voltas de leve até aquecer os pneus, depois testando alguns traçados, sem abusos, muito aquém do seu limite convencional. Eu faço isso sempre que volto a Interlagos (minha única experiência em TDs), toda vez me sinto novato, abordo a pista com cautela, seguro a tensão da primeira bateria e faço meu reconhecimento. Serve não só para seu primeiro contato com a pista (mesmo que já tenha andando lá), mas também para baixar a ansiedade e te colocar no controle, te concentrar no ritmo de TD. Quem já esteve lá sabe, é na primeira bateria que mais acontecem acidentes nas categorias de iniciantes.

6º Evoluindo e contendo a empolgação. Primeira bateria feita, aquele cheiro de pneu queimado parece que atinge o cérebro, você já dopado de adrenalina, por vezes eufórico com aquela experiência magnífica que é andar num ambiente controlado e dedicado a se superar os limites. É aí que o perigo começa a se elevar, pois você vai sentindo segurança e começa a andar mais forte, testar técnicas e claro, vai acabar querendo baixar seu tempo. A cada nova bateria, segure a mão nas duas primeiras voltas, evite andar na parte suja e identifique os locais mais intensos a sua pilotagem, locais que te desafiam mais, onde percebe que ainda não tem total domínio. Não que nos outros locais você deva se despreocupar, mas tem curvas e frenagens que nos desafiam mais e nelas é que algo errado pode acontecer com mais facilidade, pela nossa briga com a moto naquele local. Deixe a coisa fluir, você tem a vida inteira para fazer vários outros TDs e se aperfeiçoar, ataque as curvas não como se fosse a última, mas ciente de que existe uma próxima em que você precisa chegar inteiro. Tempo é uma medida da SUA evolução, não serve de comparação, não é critério de nada. Se alguém faz tempo menor que o seu, ótimo! Sua meta é melhorar o seu tempo e não chegar no tempo de ninguém. Sua meta principal é voltar pra casa inteiro. Não deixe a andrenalina te cegar, ao menor descontrole ou alguma situação externa, em milisegundos, você pode ir ao chão e por mais controlado e seguro que seja o local, isso acaba com a brincadeira e estraga toda sua experimentação. Vá com calma, quando se entra na pista, acaba-se esquecendo de tudo isso, mas respire fundo dentro do capacete (respire mesmo, lembra desse tópico no meio da curva e pense: preciso respirar, preciso respirar). Ajuda muito a abaixar a ansiedade e te voltar no controle. Se errou, tomou um susto, desacelere. Se preciso, pare no box, dê uma relaxada e depois volte. Não é pq pagou caro que precisa estar na pista 100% do tempo...vá devagar, a evolução é um processo gradativo e em que você precisa estar inteiro para aproveitar.

7º Lidando com tráfego. Não adianta, sempre terá alguém mais rápido que você, bem como alguém em um ritmo bem mais lento. Você precisa aprender a lidar com isso, seja para ultrapassar, como ser ultrapassado. Em determinados trechos a diferença de uma moto pra outra é enorme e não é raro tomar um susto com uma 1000zona de pista entrando de lado contigo numa curva. Existem os cabaços, mas você tem como minimizar isso. Retrovisores?! Esquece. Não adianta dizer que eles te dão segurança, lá dentro isso não existe. Você está vindo na reta a 240~260 (600cc) e precisa freiar em 150 metros até 110 km/h, baixando 3 marchas e já se preparando para pendular. Isso é muito intenso! Se você se descuidar 1 segundo para olhar no retrovisor, pode perder a concentração no que precisa fazer pra abordar bem a curva. Feche, tire, tape...vá por mim, você não precisa disso lá dentro. Quem vai te ultrapassar é que precisa escolher o melhor momento, por onde e como vai fazer isso. E claro, ele olhando pra frente, terá mais condições do que você, olhando pra trás, tentando prever algo que ele vai fazer. Se possível, faça um traçado consistente, evite ficar mudando de direção todo tempo, especialmente nas retas. Se for o caso, faça sua tomada de curva normal e na hora de retomar, tire um pouco a mão, abra lentamente, assim o piloto que vem atrás pode escolher como te ultrapassar e não terá dificuldade. Igualmente se encontrar alguém mais lento. Espere, não pressione, não fique encostado. Se ele é mais lento, tem outra percepção de traçado e abordagens que a sua, então não espere que ele fará o certo. Perca uma volta se preciso, mas não se coloque e nem coloque os outros em risco. Não é uma corrida e perdendo 1 segundo agora, não vai estragar sua bateria. Se disputar curva e cair ou derrubar alguém, vai ser muito pior.

8º Imprevistos. Certamente eles acontecerão! Todo TD tem ao menos um acidente e isso não é de todo ruim, o local é para isso mesmo, antes sejam alí dentro do que na rua, onde as consequências são bem piores. Se não acontecer com você, tente se livrar disso o mais rapidamente e saia da pista. Diminuia a mão, abra o traçado e, se percebeu que foi grave, tem moto ou detritos na pista, SAIA DA PISTA, vá para os boxes ao finalizar a volta. Não insista. Provalmente os fiscais de pista sinalizarão bandeira vermelha, mas independente disso, pare nos boxes e confirme com alguém da organização se a pista foi fechada. JAMAIS, JAMAIS em nenhuma hipótese pare para ajudar, ainda que seja algum amigo seu. Tem gente mais capacitada e pronta para isso, porém a ambulância só vai entrar no momento em que todas as motos estiverem recolhidas, por isso a necessidade de se recolher aos boxes e esperar os atendimentos emergenciais.
Se a infelicidade tiver te acontecido, tente se acalmar, sair do asfalto se tiver condições, esqueça sua moto, preserve-se! O atendimento chegará e te dará apoio, o que você precisa fazer é se manter consciente e calmo, abaixar a adrenalina para certificar-se que está bem e que logo a situação melhorará.

9º Sinalizações. Sinalize sempre que for fazer algo incomum ou diferente da toada normal de pista, como por exemplo sair para os boxes (mão esquerda levantada), sair do traçado por algum motivo (pane na moto, p. ex.) ou se notar algum problema a frente. Respeite os fiscais de prova e suas bandeiras. Eles estão lá para que você se divirta.

10º Prepare-se! Você vai viciar... Twisted Evil


É isso, ficou extenso, mas o assunto requer isso. Espero agora as dicas de vocês, pois certamente tem gente muito mais experiente do que eu e por mais que os assuntos se repitam, ler várias vezes uma coisa pode ajudar a fixar.

Se você está partindo pra um TD, boa pista e bom retorno!


Boa Berlindo ...... estou me preparando para os TDs.... primeiro dei preferencia a aquisicao dos equipos de segurança, agora juntando dindin para curso de pilotagem....depois ...treinos.

avatar
Roger Souza
Participante
Participante

Masculino
Idade : 43
Data de inscrição : 22/05/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem Re: Track Day - Dicas

Mensagem por Parada em Ter 23 Abr 2013, 09:01

Fiquei sabendo que, talvez, dia 15 de maio vai ter TD motoschool em Interlagos e provavelmente estarei la!!!hehehe

Abs
avatar
Parada
Participante
Participante

Masculino
Idade : 39
Data de inscrição : 04/07/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem Re: Track Day - Dicas

Mensagem por Henricao em Ter 23 Abr 2013, 13:17

Interessante!
avatar
Henricao
Participante
Participante

Masculino
Idade : 40
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem Re: Track Day - Dicas

Mensagem por Parada em Ter 23 Abr 2013, 15:33

Henricao escreveu:Interessante!

Vamos???hehehe Na hora que houver a confirmação eu aviso......faz tempo que eu não vou em interlagos e quero aproveitar que meus pneus estão bons para poder curtir melhor!!! Só que, ja adianto, é de dia de semana se se não me engano dia 15 é uma segunda feira!!!

Abs
avatar
Parada
Participante
Participante

Masculino
Idade : 39
Data de inscrição : 04/07/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem Re: Track Day - Dicas

Mensagem por Henricao em Ter 23 Abr 2013, 15:51

Dia 15 de maio cai numa quarta-feira. Certamente alguns amigos meus também vão querer ir. E a chance de chover é bem menor do que se fosse no começo do ano.

Esse esquema de dia de semana é bom, pois é mais barato (provavelmente R$ 300) e não é tão cheio. Também fico de olho e te aviso em relação à qualquer novidade que eu souber.

Vai no intermediário?

Abraço!
avatar
Henricao
Participante
Participante

Masculino
Idade : 40
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem Re: Track Day - Dicas

Mensagem por Parada em Ter 23 Abr 2013, 15:58

Opa.....ja que vc falou que dia 15 é quarta....então, vamos ficar em stand by entre dia 13 (segunda) e dia 15 (quarta)

Quanto a categoria.....cara, ainda não sei....se eu tivesse com a FZ6 com certeza eu iria, mas, com a 1000, vai ser a primeira vez que vou andar com ela em autódromo e não tenho nenhuma referência quanto a frenagens e acelerações com ela em interlagos......mas, é de se pensar!!!

Pelo visto vc ja anda no intermediário, certo?

avatar
Parada
Participante
Participante

Masculino
Idade : 39
Data de inscrição : 04/07/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem Re: Track Day - Dicas

Mensagem por Henricao em Ter 23 Abr 2013, 16:25

Andei apenas 2x em Interlagos, sempre na Iniciante.

Mas decidi andar a próxima vez no Intermediário, pois da última vez que andei na Iniciante, eu e alguns amigos estávamos "sobrando". E eu levei algumas fechadas de nego muito lento durante algumas ultrapassagens que fizeram essa idéia ficar reforçada...

Mas para mim não há qualquer problema em andar na Iniciante. Inclusive na 1ª vez que andei em Interlagos, a galera estava reclamando que o Intermediário estava muito inchado, mas há que se considerar que foi o 1º TD depois da Formula 1 no ano passado...

No seu caso, você pode separar a 1ª bateria ou parte dela para fazer um "reconhecimento", indo de boa. Aí depois é só acelerar mais forte conforme a confiança for aparecendo. Acredito que você não terá qualquer problema, pois me parece que você sabe andar forte.

De qualquer forma, vamos acompanhando.

Abraço!

avatar
Henricao
Participante
Participante

Masculino
Idade : 40
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem Re: Track Day - Dicas

Mensagem por Parada em Ter 23 Abr 2013, 16:38

no curriculo eu tenho 4 TD,s em Interlagos e 1 em Londrina......até ja reparei que alguns andam até de boa no Intermediário.....mas, nunca me arrisquei....sempre fui no iniciante pois, como nunca tive interesse em baixar tempo, quando percebia que alguém mais lento ia a frente, calculava bem e ultrapassava tentando não assustar o piloto.....e, assim, nunca tive problema em nenhum TD......mas, vamos ver até la....não custa nada perguntar pro pessoal como esta a divisão nas categorias e a quantidade de pilotos....se tiver pouca gente na intermediária....acho que da pra encarar!!!!

apesar que os vídeos ficam mais legais quando tem mais gente!kkkkk

Abs
avatar
Parada
Participante
Participante

Masculino
Idade : 39
Data de inscrição : 04/07/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem Re: Track Day - Dicas

Mensagem por Henricao em Ter 23 Abr 2013, 17:00

Perfeita colocação em relação aos vídeos! kkkkk

Dependendo da situação o cara fica parecendo o Valentino Rossi...kkkk!
avatar
Henricao
Participante
Participante

Masculino
Idade : 40
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem Re: Track Day - Dicas

Mensagem por Berlindo em Qua 24 Abr 2013, 14:52

Eu sempre ando na Intermediário...me dou muito melhor assim, prefiro mais gente mais rápida do que eu, do que mais lenta ou com inseguranças quanto a traçado. Recomendo.
avatar
Berlindo
Participante
Participante

Masculino
Idade : 35
Data de inscrição : 07/07/2009

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem Re: Track Day - Dicas

Mensagem por maluko da tw em Qua 24 Abr 2013, 16:14

Pois éh eu preciso fazer um curso... Quero andar em altodromo não vejo a hora... o duro é tempo... Mas queria fazer aki pro interior, ECPA.. sei lá...
avatar
maluko da tw
Participante
Participante

Masculino
Idade : 34
Data de inscrição : 15/03/2010

Voltar ao Topo Ir em baixo

Mensagem Re: Track Day - Dicas

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 7 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum